dezembro 02, 2015

[Livros] Minha Julieta - Leisa Rayven (Starcrossed #2)

Título Original: Broken Juliet
Autor: Leisa Rayven
Editora: Globo Alt
Páginas: 352
Gênero: New Adult, Ficção, Romance
País: EUA
ISBN: 9788525060426
Classificação: ★

_______________

Minha Julieta (continuação de Meu Romeu) é outro new adult apaixonante que arrebata corações e arranca suspiros - especialmente os meus. Mais maduro que seu antecessor, esse segundo volume traz as peças que faltavam para entender o relacionamento conturbado de Ethan e Cassie, suas personalidades e sentimentos conflituosos. Rayven conseguiu mais uma vez me encantar com uma narrativa envolvente e personagens bem construídos e, talvez, eu ame ainda mais os protagonistas - como se isso fosse possível!

Um espetáculo à parte, a obra de Leisa Rayven tem elementos de sua própria representação teatral. O herói, o drama e as peripécias foram bem explorados no primeiro volume, já a catarse ficou por conta de Minha Julieta. As emoções de uma Cassie transformada pela dor voltam com força. Antes, Ethan era quem não sabia lidar com suas emoções e, agora, o papel dos protagonistas foi invertido. Um recurso muito utilizado nas peças shakespearianas, essa 'inversão' faz com que o leitor não veja Ethan ou Cassie unilateralmente, há mudança, evolução em suas personalidades. Com fortes referências à obra de Shakespeare, a autora mescla a história dos amantes desafortunados Romeu e Julieta à de seus próprios personagens e à modernidade. A tragédia - bem mais abrandada - que se transformou em um new adult mostra que tudo evolui, até mesmo a forma de contar histórias de amor. 

Cassie continua lembrando de tudo o que aconteceu entre ela e Ethan no passado e à luz dessas lembranças, faz o possível para tentar entender suas atitudes. Porém, superar o medo de se machucar novamente parece ser ainda mais difícil do que perdoá-lo. Conforme o leitor se aprofunda nos pensamentos e diários do casal, é mais fácil perceber porquê as coisas deram errado: nenhum dos dois estava preparado para um sentimento e uma atração tão forte. 

Enquanto tentam resolver seus problemas pessoais, eles contracenam no teatro e encaram a proximidade de um relacionamento fictício. O grande 'problema' é que a tensão sexual entre os dois, continua enorme, portanto, fingir que não quer se jogar nos braços de Ethan é a melhor atuação de Cassie. A recíproca também é verdadeira, mas um Ethan mais equilibrado, tranquilo e controlado toma as rédeas da situação, dando o tempo e espaço que Cassie tanto precisa. Afinal, um coração quebrado pode se apaixonar outra vez por quem o despedaçou? 

Se Ethan já havia me conquistado quando era impetuoso, possessivo, traumatizado e irritado, seu amadurecimento apenas reafirmou seu lugar no meu coração. O temperamento forte dele não desapareceu completamente, mas foi bastante atenuado e é notável a diferença após esses três anos. O distanciamento de Cassie e Ethan se mostrou necessário e, apesar de cruel, bastante compreensivo. Às vezes o amor precisa de espaço, de saudade e, principalmente, de liberdade. 

Minha Julieta é um livro mais morno que Meu Romeu, mas igualmente delicioso. Leisa Rayven não fala apenas sobre amor ou sexo, mas sobre crescimento e sobre aprendermos a ser quem realmente somos, sem fingimento. Porque apesar de serem excelentes atores, Ethan e Cassie precisam aprender a tirar seus figurinos e olhar a si mesmos despidos de orgulho, medo e lembranças. Se despir é fácil - aliás, para o casal de protagonistas, fácil até demais -, mas amar alguém sem tudo o que o esconde, sem tudo que o protege, é amar de verdade.

"- (...) Todo mundo usa máscaras metafóricas a vida toda. Todos nós temos diferentes faces que mostramos aos nossos colegas, ou amigos, ou família. Às vezes usamos tantas máscaras que esquecemos quem somos por trás delas, mas é preciso encontrar coragem para abandonar toda essa enganação e revelar seu eu verdadeiro. É só isso que eu quero que faça. É só isso que eu sempre quis.
Ethan balança a cabeça.
- E se meu verdadeiro eu for... uma merda? Defeituoso, tóxico, incapaz de inspirar amor? Por que eu deixaria alguém ver isso?
- Porque, no final das contas, essa é a sua única versão verdadeira. É a única que pode realmente dar aos outros. Todo o resto é fingimento." (p. 48)

Sinopse: Alguns amores nunca te deixam ir ...Cassie jurou que nunca iria perdoar Ethan por quebrar o coração dela, quando eles estavam juntos anos atrás. Ele era seu grande amor, e quando ele se recusou a amá-la de volta , uma parte dela morreu para sempre ... ou assim ela pensou. Agora ela e Ethan estão compartilhando um palco da Broadway, e ele está determinado a reconquistá-la. Finalmente ele é capaz de dizer todas as coisas que ela precisava ouvir, mas ela pode acreditar nele?

Será que ele realmente mudou , e o que faz com que esta mudança seja diferente de todas as suas outras promessas não cumpridas? A resposta está em algum lugar do passado, e agora a verdade virá à luz . Cassie voltará a confiar da maneira como ela era antes com Ethan? Ou é tarde demais para estes amantes estrela-cruzados? 

Não perca este final hipnotizante da continuação de 'Meu Romeu' , a história de amor inesquecível, que capturou os corações de mais de dois milhões de fãs online.

"A questão é que, se as pessoas fossem livros, Ethan seria um best-seller. Um livro cativante, sexy e inteligente que ninguém quer largar. (...)" (p. 265)


16 comentários:

  1. Olá!

    Não conhecia o livro, mas achei a premissa interessante, apesar de estar um pouco saturada de new adults. Acredito que o diferencial desse livro em relação aos demais é que tem Sheakspeare envolvido, o que o deixa bem mais romântico!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Mariana!
    Eu não li o livro anterior e new adult não costuma ser o gênero que mais me agrada. Mas gostei muito da citação que você separou, principalmente a primeira parte. Julgando por ela, parece mesmo ser um new adult menos superficial.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  3. Mari, ainda não tive o prazer de ler o primeiro livro, Meu Romeu, mas tenho o desejado desde seu lançamento e principalmente depois de ver tantos comentários positivos para ele.
    Amei ler sua resenha de Minha Julieta e de como você gostou do livro. Nada mais gostoso que ler uma continuação e terminar a leitura satisfeita, não é mesmo?
    Este já está em minha lista de leitura e espero lê-lo em breve. Não posso deixar de conferir um livro que faz referências à obra de Shakespeare, né?!
    Bjinhos!

    ResponderExcluir
  4. Estou comecando a me acostumar com new adult achei esse mais interessante que o outro apesar de se completarem ^^


    http://estilodenerd42.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá Mari, preciso confessar que não sou grande fã do gênero new adult. Mas com tantas avaliações positivas, fiquei curioso para conhecê-lo. Me interessei pela história. Realmente se apaixonar novamente por quem partiu seu coração não deve ser nada fácil, né? Ótima resenha! Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mari! Li a resenha do primeiro livro quando publicou e fiquei apaixonada só pela resenha e agora lendo a do segundo não tenho mais duvidas, pois quero demais ler as obras e conhecer tudo que te fascinou na escrita da autora.

    Beijos da Fê
    As Catarina´s

    ResponderExcluir
  7. Eu quero muuuuito ler os dois livros desde seus lançamentos, mas estou meio atarefada no momento , então nem comprei inda.
    Entretanto, depois de tanta coisa boa que ouço falar , tanto de Meu Romeu quanto de Mi há Julieta, vou ter que dar um jeitinho de ler logo, rsrs...
    Amo New Adult <3 ,então minhas expectativas estão nas alturas por esses livros... Espero que valha a pena e me encante tanto quanto você e tantas outras leitoras.

    ResponderExcluir
  8. Mari!
    Gosto muito das releituras porque trazem uma nova visão de uma história anterior e se tratando de Shakespeare, é uma tarefa bem complicada.
    Fiquei feliz por dois motivos: primeiro porque esse segundo livro me parece ainda melhor que o primeiro; e, porque as personagens amadurecem. Mesmo com uma atração infinda, eles passam a encarar suas personalidades e assumi-las, sendo mais verdadeiros.
    Gostaria de ler os dois.
    “Sonhar é acordar-se para dentro.” (Mario Quintana)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista de Dezembro, serão 6 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  9. Oi, Mariana! Minha Julieta me cativou por conta da escrita da Leisa Rayven, descrevendo muito bem os cenários presentes nos livros e uma construção aceitável dos personagens. Não me interessei muito por Meu Romeu, mas este segundo livro abrilhantou-me com a nova narrativa de Cassie e toda a espera por um perdão. O único ponto que desagradou-me do livro foi a visão egoísta de Ethan. Entretanto, toda a história do livro compensou muito.
    Blog: Consumidor de Sonhos | consumidordesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi, Mari!
    Tudo bem?

    Estou com Meu Romeu lá em casa me esperando, mas ainda não tive a oportunidade de lê-lo. Tinha começado a ler essa história quando ainda era uma fanfic milhares de anos atrás! Hahahahaha
    Mas a faculdade + trabalho + vida acabou interrompendo essa leitura e descobri por acaso o livro e comprei na hora, afinal eu me lembro que a história era completamente envolvente e emocionante.

    E sua resenha da continuação Minha Julieta está ótima também! Estou mais ansiosa que nunca para pegar os livros!! Mais que cenas hot, prefiro uma boa história sobre pessoas. Ainda mais quando são tão problemáticos! Hahahaha

    Bjs!!

    livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Minha Julieta é um dos lançamentos que me deixou loucaaaaaa!
    Ando amando livros hots e claroooo que essa serie é uma das melhores.
    A escrita de Leisa foi uma surpresa pra mim, que não conhecia e a historia que ela desenvolveu juntamente com os personagens deixou todos que leram com certeza fãs.
    Achei as capas aqui do Brasil mais bonitas e posso dizer que simmmm, vou ler com certeza!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Que livro maravilhoso! Sempre adoro livros que falam de um clássico de um jeito diferente. Simplesmente me ganha.
    Não conhecia o livro, então não li o primeiro. Mas pelo o que li da sua resenha, os dois devem ser maravilhosos. Vi umas pessoas comentando da capa, achei diferente das capas que costumamos ver aqui no Brasil. Só não curti muito a fonte usada, podiam ter caprichado mais. >.<

    ResponderExcluir
  13. Infelizmente não li ainda o primeiro livro, por receio do livro ser um pouco hot, e eu não curto muito, pelo fato de não conseguir me envolver com a história, mas já li várias resenha sobre os dois livros e ainda sinto vontade de ler, porém pretendo deixar a leitura mais para frente.

    ResponderExcluir
  14. Eu sou suspeita para falar sobre obras com referências shakesperianas, porque elas sempre me atraem exatamente por esse detalhe inicial. Eu adoro Romeu e Julieta, e fico sempre um pouco receosa sobre livros que tentam readaptá-los de alguma forma, apesar de ficar empolgada e curiosa com eles. Gostei dos elementos que a autora incluiu em seu enredo, como o amadurecimento, o afastamento necessário e a compreensão mútua dos sentimentos. Adoro as capas, e creio que vá gostar das leituras.

    ResponderExcluir
  15. Eu só leio coisas boas desse livro e de Meu Romeu. De hot, eu só li um livro e confesso que foi tão fraquinho que só fui perceber que era um hot quando terminei (e me falaram que era).
    Vou adicionar Meu Romeu no Skoob e quando eu tiver a oportunidade vou conhecer. Gostei da sua resenha sobre Minha Julieta, mesmo sem ter lido o outro.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Adoro romances e estou adorando o genero new adult. Esse livro me pareceu bem interessante envolvendo Sheakspeare.

    ResponderExcluir

Deixe sua sugestão, opinião ou crítica. Prometo lê-las com carinho. Mil beijos, Mari Siqueira.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...